Prefeito Edinho Araújo flexibiliza o decreto de funcionamento do comércio em Rio Preto

Prefeito Edinho Araújo flexibiliza o decreto de funcionamento do comércio em Rio Preto

Na coletiva de imprensa desta quarta-feira, 15 de abril, o prefeito Edinho Araújo, após 34 dias desde o primeiro caso confirmado de COVID-19 em Rio Preto, fala sobre ser essa a data de início da flexibilização gradual de algumas atividades econômicas de menor impacto na concentração de pessoas e avisa que essa decisão poderá ser ampliada ou suspensa, a qualquer momento.

A partir desse novo decreto, poderão funcionar:
* óticas e lojas de produtos ortopédicos e similares;
* bancas de revistas e jornais, escritórios de advocacia, contabilidade e imobiliárias (com acesso restrito);
*lojas de material de construção, lavanderias, barbearias e cabelereiros, com horários agendados e uso de máscaras pelos atendentes;

A partir dessa data, poderão voltar a funcionar todos os comércios de alimentos, o que inclui bares e restaurantes, com atendimento presencial, desde que não tenha consumo no local. Hotéis, estacionamentos, lojas de produtos agropecuários, consultórios e serviços odontológicos, assistência de produtos eletroeletrônicos e comércio de peças e acessórios para carro, moto e bicicletas, também podem voltar a funcionar, a partir deste novo decreto.

Todos os estabelecimentos autorizados a reabrirem devem cumprir rigorosamente as regras de gerais de higiene e distanciamento social, garantir aos funcionários o uso máscaras de tecido ou recicláveis, garantir que os clientes só entrem no estabelecimento utilizando máscara e disponibilizar aos clientes álcool em gel 70%.

O prefeito reforçou que, a qualquer momento, o decreto pode ser editado, com novas deliberações.

Prefeito Edinho Araújo flexibiliza o decreto de funcionamento do comércio em Rio Preto