Estudo aponta que hábito de fumar ganhou força na quarentena

Estudo aponta que hábito de fumar ganhou força na quarentena

Os fumantes têm tido maior dificuldade para controlar o vício diante da ansiedade causada pela pandemia, é o que aponta uma pesquisa feita pelo curso de fisioterapia de uma universidade de Presidente Prudente, em parceria com profissionais da medicina do Guarujá. Na pesquisa,46% dos entrevistados disseram que a dependência pelo cigarro ganhou mais força nesse período de isolamento social e pandemia.